Google+ Followers

sábado, 9 de julho de 2011

JOÃO DE BARRO - LIS DE OURO

João de Barro, este indaba de hoje foi punk... Nos reunimos às 9:00 horas, fizemos nossa oração e começamos a refletir sobre os pontos positivos e negativos do grupo. Nos propomos a evitar cometer os mesmos erros: falamos coisas que não devíamos, julgamos, erramos, caímos, tratamos mal algumas pessoas... Mas como todo bom João de Barro, fechamos as portas da INTOLERÂNCIA e abrimos nossa Alma para a nova Primavera que vem chegando. Veja abaixo como você poderá conquistar a sua.


Esse inverno foi frio, mas como dizem os Celtas, a cada inverno as sementes germinam cada vez mais no interior da Mãe Terra. A Primavera nos trará essa árvore frondosa que queremos, repleta de flor - ou melhor, LIS de OURO. Isso mesmo.

Ao fazer a avaliação dos jovens, vimos que muitos logo estão de saída do ramo escoteiro, e sinceramente, confessamos que sentimos medo por não realizar um excelente trabalho com eles. Afinal não tínhamos experiência. mas a Vontade... nada pode detê-la. E o João de Barro aprende a suportar as estações e constrói sozinho seu ninho, assim como o escoteiro anda com suas próprias pernas, e conseguimos através de muito estudo e orientação de escotistas capazes - gente por quem temos imensa admiração - conseguimos nos tornar melhores, reconhecer nossos erros, corrigi-los e mandar ver com toda a garra do Falcão, toda a força do Tubrão, toda a rapidez do Pássaro Negro e com toda a visão e controle da Águia. Afinal: Somos aves e peixes... Ou seja somos LOUCOS: não temos os pés no chão. Ou estamos nadando como o tubarão, ou estamos nos altos céus como a Águia, o Falcão e o Pássaro Negro. E ainda nem na sênior estamos com os pés no chão... Dominamos as TEMPESTADES, somos o mais FORTE DOS TROVÕES.

Voltando ao assunto... O resultado foi SURPREENDENTE. Nós temos de TUDO para fazer com que nossos jovens alcancem suas tão sonhadas Lis de Ouro e daremos todo o apoio necessário. Mantendo todas as atividades anotadas de forma correta, e com a acompanhamento dos pais podemos ter a alegria de consagrar o primeiro Lis de Ouro do João de Barro... Quem será?

Nós enfrentamos as PISTAS que estão no início da grande Jornada, e agora entramos numa TRILHA nesta grande floresta... Será que os tempos estão a nosso favor? O Minuano e os ventos do leste sopram a nosso favor? Há cumulus e nimbus por perto do Grande Acampamento? Só aquele que tiver FORÇA, CORAGEM e DETERMINAÇÃO para esta AVENTURA conseguirá saber. Boa sorte, João de Barro.


Nosso objetivo para 2012 no ramo escoteiro: o (a) primeiro(a) Lis de Ouro genuinamento João de Barro.

1. Ter o portador do Cordão de Eficiência Vermelho e Branco

Para conquistar este cordão você deve conquistar o CORDÃO VERDE E AMARELO primeiro, e para isso deve ter pelo menos 6 especialidades em três ramos do conhecimento e pelo menos nível 2 na de primeiros socorros. Após isso, você pode conquistar o CORDÃO VERMELHO E BRANCO se conquistar 12 especialidades em pelo menos quatro ramos do conhecimento dentre as quais a de cozinheiro e acampador no nível 2 ao mínimo.

2. Ter a Insígnia Mundial do Meio Ambiente, em qualquer de suas etapas.
Para conquistá-la:

ESCOTEIROS
 
Explorar e Refletir

Explorar as fontes de água potável e ar puro no ambiente local. Identificar ameaças à água potável e ao ar puro no ambiente local e global, sugerindo soluções. Explorar uma área natural local. Compreender as ligações entre os ecossistemas nativos. Demonstrar a relação entre as atitudes individuais e os habitats naturais. Ter consciência das substâncias perigosas que afetam o ambiente local e identificar a causa. Demonstrar que ações pessoais podem ser tomadas para reduzir o risco de substâncias perigosas para as pessoas e para o ambiente. Reconhecer a forma como estamos ligados ao meio ambiente e de como podemos ter escolhas certas sobre as nossas ações, de forma a minimizar o impacto no ambiente. Compreender como podemos mudar de atitude para melhorar nosso impacto no ambiente. Ser capaz de identificar diferentes tipos de desastres ambientais e catástrofes naturais e explicar porque ocorrem. Demonstrar como se pode ajudar os outros a estar preparado para responder a desastres ambientais e catástrofes naturais na sua cidade.

Fazer algo
Identificar problemas ambientais locais e suas soluções potenciais (já temos em mente). Planejar e executar um projeto ambiental. Compreender a ligação do projeto aos níveis local e global.
SÊNIORES

Reflexão e exploração

Explorar as fontes de água potável e ar puro no ambiente local. Demonstrar a relação entre as atitudes individuais e a disponibilidade de água potável e ar puro no ambiente local e global. Explorar uma área natural local. Compreender o que são ecossistemas e biodiversidade. Compreender as ligações entre os ecossistema das espécies nativas de plantas e animais e as suas necessidades de habitat. Demonstrar a relação entre as atitudes individuais e a existência de habitats suficientes para a sobrevivência das espécies nativas. Ter consciência das ações globais que afetam a biodiversidade. Explicar o impacto local que têm as substâncias perigosas para as pessoas e para o ambiente e o que se pode fazer individualmente, em grupo ou na comunidade para reduzir estes riscos. Compreender o impacto global das substâncias perigosas e como as ações locais podem alterar o ambiente global. Explicar como a escolha das nossas ações e nossa responsabilidade pessoal, de grupo, em comunidade e no país pode afetar o meio ambiente. Compreender como podemos mudar de atitude para melhorar nosso impacto no ambiente. Demonstrar de que forma as soluções locais têm impacto no ambiente global. Ser capaz de identificar diferentes tipos de desastres ambientais e catástrofes naturais e explicar porque ocorrem. Demonstrar como se pode ajudar os outros a estar preparado para responder a desastres ambientais e catástrofes naturais na sua cidade. Explicar que mudanças no ambiente podem influenciar a ocorrência de desastres ambientais e catástrofes naturais. 

Fazer algo

Identificar problemas ambientais locais e suas soluções potenciais. Planejar e executar um projeto ambiental. Compreender a ligação do projeto aos níveis local e global. Avaliar os resultados do projeto para os escoteiros, a comunidade e o meio ambiente.


Lembrando que o ramo lobo também pode conseguir a IMMA. Só não colocamos como obter aqui porque estamos falando no momento somente da LIS DE OURO.

*** A conquista da IMMA não é mais obrigatória na progressão escoteira, pois a própria evolução em Pistas e Trilhas já oferece essa chance de conquista e a de desenvolvimento de projetos comunitários.

Nenhum comentário: